Cuidados na Contratação

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Cuidados na Contratação

Mensagem  Djane Senna em Qua Ago 25, 2010 4:55 pm

Casos de violência contra crianças praticados por babás tem sido um verdadeiro terror para as mães na hora da contratação. A segunda grande preocupação são os casos de seqüestro que envolvem profissionais domésticos.
Independente dos casos de violência, a falta de preparo da grande maioria dessas profissionais pode atrapalhar o desenvolvimento físico e psicológico da criança.
Estes fatores exigem cuidado e vigilância. Para isso, leia com atenção as dicas da UNIRE Desenvolvimento Humano, empresa que ministra cursos e faz colocação de Babás há 11 anos em São Paulo.

Primeiro é preciso ter clara a necessidade da contratação e em que prioridades quero ser atendida. Defina os aspectos práticos da sua necessidade: horário, folgas, salário, tarefas, etc.

ONDE PROCURAR?
As vias mais comuns vão desde anunciar em jornais, pedir ao porteiro, até empresas de colocação de pessoal.
Empresas de colocação : se você está buscando segurança fique com essa opção, porém, verifique se é uma empresa idônea, há quanto tempo está no mercado, se possui rigoroso teste de seleção e quais benefícios ela oferece.
Afinal você vai contratar alguém para ficar na sua casa, com seu filho: patrimônios mais importantes de sua vida.

ENTREVISTA
Agende horários em que possa fazer as entrevistas com calma.
Em primeiro lugar uma babá deve gostar de crianças. Observe então se ela sorri quando fala de crianças, se fala com carinho, se sente saudades, se ainda tem contato, se os olhos brilham, verifique o seu asseio corporal, linguagem.
Pesquise:
- Escolaridade;
- Um pouco do histórico familiar, com quem mora, o que gosta de fazer nas folgas, se toma medicamentos, faz algum tratamento;
- Avalie o conhecimento dela, por exemplo, perguntando como ela faria em determinada situação, que alimentos sabe preparar, etc.;
- Questione o relacionamento da babá com as crianças que já cuidou, do que elas gostavam, que atividades fazia com elas.

E, principalmente, a empatia, os sentimentos que esta candidata provoca em você. Tente perceber afetividade, gestos, segurança, enfim, comportamento.
Se perceber mal humor, levianismo, rancor, agressividade... DESCARTE.
Se a entrevista foi favorável e ela foi indicada por uma empresa de sua confiança, converse sobre a rotina da sua casa e o sistema que você adota, decida com ela uma forma para esclarecer seu gosto, horário das tarefas, para que esta adaptação seja tranqüila. Relate todo trabalho que terá que realizar.
Empresas tem profissionais que fazem a análise dos documentos (hoje há muita sofisticação na falsificação de registros, endereço, referências) , verificam referências, fazem avaliação psicológica e mantém um dossiê da candidata.

PERÍODO DE ADAPTAÇÃO
É um período que você deve acompanhar todo o trabalho da babá, observando-a e checando o que foi feito. É um período em que a babá necessita muito da sua orientação para gerar a sintonia entre mãe x criança x babá. Simplesmente deixar a babá sozinha pode gerar ansiedade na criança, angústia, medo, por ela não ter a mãe perto e sim uma estranha, de uma hora pra outra.
A comunicação entre a família e a babá deve existir, somente assim o trabalho progride. O tratamento de respeito deve ser a marca desta relação. Pessoas bem tratadas retribuem com dedicação e fidelidade.

Boa sorte !

Ângela Clara Corrêa
Psicóloga – Coordenadora de Cursos de Babá e Recreação Infantil
Diretora Técnica da UNIRE - Desenvolvimento Humano

http://www.soubaba.com.br/cuidados.htm
avatar
Djane Senna
Admin

Mensagens : 77
Data de inscrição : 23/08/2010
Idade : 40
Localização : Manaus

Ver perfil do usuário http://agrandefamilia.bloggeiros.com/index.htm

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum